História - HISTÓRIA TESTES - EXERCÍCIOS

          

 

 

 

 

HISTÓRIA TESTES

 

Faça milhares de exercícios de História e fortifique seus  conhecimentos nessa matéria que está presente em muitos concursos.

HISTÓRIA EXERCÍCIOS

1) (HISTÓRIA EXERCÍCIOS) Analise as alternativas que tratam da colonização de Belém e marque a única alternativa ERRADA:

a) No início da Colonização de Belém, época da fundação da cidade, os índios Tupinambás eram os habitantes nativos da região.
b) Os portugueses, após manterem os primeiros contatos com o silvícolas, passaram a formar parceiras com os mesmos mediante pagamento de remuneração.
c) Os portugueses religiosos tiveram relevante participação na colonização de Belém através do processo de catequização dos índios.
d) Após o término da construção do Forte do Presépio, os Portugueses iniciaram o processo de colonização de Belém.
e) Capitão-mor Francisco Caldeira Castelo Branco foi encarregado pela coroa Portuguesa de conquistar, ocupar, explorar e proteger a foz do rio Amazonas contra os corsários Holandeses e Ingleses.


2) (HISTÓRIA EXERCÍCIOS) Música 1 – Garota de Ipanema (dos compositores Tom Jobim e Vinícius de Morais)
“Olha que coisa mais linda
Mais cheia de graça
É ela a menina
Que vem e que passa
Num doce balanço
A caminho do mar (...)
Moça do corpo dourado
Do sol de Ipanema
O seu balançado é mais que um poema(...)
É a coisa mais linda que eu já vi passar

Música 2 – “Carcará” (música que revelou a cantora Maria Bethânia)
Carcará
Pega, mata e come
Carcará não vai morrer de fome
Carcará
Mais coragem de que homem...

Os trechos das músicas acima demarcam a forma de organização e expressão da mentalidade brasileira entre as décadas de 1950 e 1960.

I. A música 1 pertence ao movimento chamado de Bossa Nova, iniciado entre jovens compositores de classe média.
II. Na música 1 as letras das canções da Bossa Nova falam do cotidiano, com arranjos elaborados e maneira de cantar contida e intimista (o cantor procura exprimir sentimentos íntimos, e por outro lado, o sentimento das coisas simples).
III. A música 2 faz parte do movimento de música de protesto, relacionado à situação política do país.
IV. A música 2 refere-se ao movimento da Jovem Guarda, que influenciou a forma de vestir e de falar de grande parte da juventude.

Estão CORRETAS:
a) Apenas I e II.
b) penas I, II e III.
c) Apenas II e IV.
d) Apenas I, III e IV.
e) As afirmativas I, II, III e IV.


3) (HISTÓRIA EXERCÍCIOS) O objetivo do ensino de história na escola fundamental é fazer com que os alunos sejam capazes de, EXCETO:

a) compreender a cidadania como participação social e política.
b) adotar, no dia a dia, atitudes de solidariedade, cooperação e repúdio às injustiças.
c) entender que o exercício dos direitos e deveres políticos se torna construtivo, quando se respeita a hierarquia social.
d) respeitar o outro, exigindo para si o mesmo respeito.
e) respeitar as diferenças, combater a desigualdade e exercer a cidadania.


4) (HISTÓRIA EXERCÍCIOS) “Deus, Pátria e Família” era o lema do(a):

a) Queremismo.
b) Coluna Prestes.
c) Coronelismo.
d) Integralismo.
e) Movimento Messiânico de Canudos.


5) (HISTÓRIA EXERCÍCIOS) Segundo a visão de Peter Burke, a “Nova História Cultural” (NHC) pode ser entendida como um novo paradigma da historiografia. Esse novo paradigma constituiu-se a partir da incorporação de abordagens e métodos de outras áreas do conhecimento, dentre elas a:

a) estatística.
b) informática.
c) pedagogia.
d) geografia.
e) antropologia.


6) (HISTÓRIA EXERCÍCIOS) A utilização da Literatura nas aulas de História, como a análise dos versos de Fernando Pessoa, permite estabelecer uma relação entre essa estratégia com o que propõe Rafael Ruiz, no texto “Novas formas de abordar o ensino de História” (In: Leandro Karnal (org.). História em sala de aula: conceitos, práticas e propostas. São Paulo: Contexto, 2005, p. 91).
Assinale a alternativa que completa a proposta desse autor.
Um dos modelos que devemos procurar, perante os desafios colocados neste começo do século XXI, é:

a) uma metodologia que carrega consigo a descoberta da História como processo, um processo ao mesmo tempo: progressivo e teleológico e que tem objetivo.
b) uma prática em que o aluno esteja imerso no próprio tempo estudado e, à medida que escreve, tenta escrever sobre o passado, procurando vislumbrar o futuro.
c) um método experimental que contemple as duas condições prévias apontadas por Hartog: a história voltada para o passado e a história voltada para o futuro.
d) o modelo clássico que entende a História como uma velha amiga que, educando com os seus exemplos do passado, prepara o caminho futuro.
e) um modelo narrativo que contemple as duas premissas necessárias apontadas por Hartog: o ponto de vista do narrador e uma abordagem comparativa.


7) Contrapondo-se à historiografia do início do século XX, Boris Fausto, no livro História do Brasil (São Paulo: EDUSP, 2009), faz uma análise diferente dos bandeirantes e de suas ações pelo sertão e de sua autonomia em relação à metrópole e afirma que:

a) os bandeirantes, influenciados pela cultura indígena, construíram no sertão uma sociedade mais igualitária.
b) as façanhas dos bandeirantes mostram que eles não tinham nada a ver com a imagem de heróis civilizadores.
c) a ação civilizadora e um modo de vida democrático marcaram o trabalho dos bandeirantes no sertão brasileiro.
d) a trajetória histórica dos bandeirantes, responsáveis pelo desbravamento da terra, mostra que eles foram heróis.
e) a união dos indígenas e dos bandeirantes revela a inexistência de diferença entre brancos e mestiços.


8) (HISTÓRIA EXERCÍCIOS) A antiga instituição a que o texto faz referência, milícia armada dirigida por brasileiros abastados, foi criada no Brasil em 1831, durante a Regência Trina Permanente, e:

a) tinha um caráter local, restringindo-se a preparar os cidadãos para servir o exército.
b) foi responsável pela organização de um exército responsável pela defesa do território.
c) dava plena autonomia às autoridades judiciárias e policiais no nível local e provincial.
d) revelava a influência da ordem jurídica norte-americana e inglesa na política nacional.
e) passou a ser o principal instrumento do governo para reprimir os levantes populares.


9) A alta sociedade da borracha no Pará constituía-se por ricos proprietários e comerciantes que moravam geralmente em grandes cidades da Amazônia, como Belém e Manaus. Contudo, a base que sustentava toda essa riqueza urbana era formada por:

a) pequenos comerciantes, pelos mascates e pelos muitos trabalhadores da borracha que, em geral, eram recrutados no interior da Amazônia e também no nordeste brasileiro, especialmente no Ceará.
b) balateiros e donos de entrepostos comerciais, que normalmente eram estrangeiros (especialmente judeus e mulçumanos), e uma enorme massa de trabalhadores livres (os nordestinos) e escravos (indígenas e africanos).
c) comerciantes de pequeno trato - normalmente paraenses - e uma maioria de trabalhadores braçais e pobres, constituídos por imigrantes estrangeiros, especialmente espanhóis e portugueses.
d) pequenos comerciantes e mascates (os chamados “turcos”), e uma grande quantidade de trabalhadores manuais despossuídos, como africanos escravizados, povos indígenas e paraenses empobrecidos.


10) (HISTÓRIA EXERCÍCIOS) No final do século XIX, setores do Exército brasileiro tiveram sérios atritos com o governo imperial, num momento que culminou com o golpe de 15 de novembro de 1889. Contribuiu para isso:

a) A origem oligárquica dos oficiais que defendiam a autonomia das províncias.
b) A influência das repúblicas latino-americanas governadas por ditadores militares.
c) A oposição do Exército brasileiro ao regime absolutista de D. Pedro II.
d) As constantes intervenções dos militares no governo, após a Guerra do Paraguai.
e) A influência das idéias positivistas associadas à reivindicação de melhoria profissional dos militares.

atençãoMantenha-se sempre atualizado com os melhores vídeos!

Assine o canal

 

HISTÓRIA EXERCÍCIOS GABARITO

  1-b   2-b   3-c   4-d   5-e   6-e   7-b   8-e   9-a   10-e

 

Faça mais Testes de História:

  HISTÓRIA TESTES 01

  HISTÓRIA TESTES 02

  HISTÓRIA TESTES 03

  HISTÓRIA TESTES 04

  HISTÓRIA TESTES 05

  HISTÓRIA TESTES 06

  HISTÓRIA TESTES 07


VER TAMBÉM:

O DESCOBRIMENTO

O DESCOBRIMENTO DO BRASIL

BRASIL IMPÉRIO

BRASIL COLÔNIA 

ABOLIÇÃO DA ESCRAVIDÃO

O TRATADO DE TORDESILHAS

CAPITANIAS HEREDITÁRIAS

A GUERRA DO PARAGUAI

HISTÓRIA DO BRASIL 

GOVERNOS GERAIS
 

A ERA VARGAS 

A BALAIADA 

A CONJURAÇÃO BAIANA 

A GUERRA DOS EMBOABAS 

A REVOLUÇÃO FARROUPILHA 

EXPEDIÇÕES GUARDA-COSTA 

A VINDA DA FAMÍLIA REAL 

A PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA 

A DITADURA NO BRASIL 

INDEPENDÊNCIA DO BRASIL 

LAMPIÃO E O CANGAÇO 

INCONFIDÊNCIA MINEIRA 


** ÍNDICE GERAL